Minha conta

A especialização em endodontia, sofreu grandes evoluções. As matérias e o que você aprendeu na faculdade não sofreram grandes transformações no quesito filosofia de tratamento, mas a forma de se fazer os procedimentos passaram por grandes transformações. Desta forma, a evolução na maneira de se fazer os procedimentos faz com que os profissionais busquem capacitação profissional e aprimoramento técnico-científico.

Muitas vezes as dores de dentes podem afetar a qualidade de vida das pessoas, pois as pessoas acabam não conseguindo dormir a noite e se relacionar com as outras pessoas. Além disso, acabam não conseguindo exercer suas atividades normais que executam em seu dia a dia. Sendo estas dores dentárias de origem pulpar, quem irá ajudar a resolver este tipo de problema de forma completa são os endodontistas ou profissionais que apresentam capacitação para exercer esta especialidade.

Os endodontistas possuem também a capacitação para trabalhar com procedimentos para tratar cáries profundas com a conservação da vitalidade pulpar, atendimentos em situações de traumas dentários e em terapias regenerativas da polpa dental, visando a manutenção do dente na cavidade bucal.

Popularmente chamada de tratamento de canal, a endodontia hoje se beneficia de muitos equipamentos modernos para que seus procedimentos sejam executados com excelência como: localizadores foraminais eletrônicos, aparelhos de ultrassom piezoelétricos não cirúrgicos, termocompactadores e injetores de guta-percha, motores para limas rotatórias ou reciprocantes, além disso, a microscopia operatória trouxe para a endodontia a possibilidade de ver, aquilo que antigamente só conseguíamos perceber sentindo. A magnificação, seja com lupas ou microscópios, trouxe aos profissionais mais segurança para poder executar os procedimentos de forma mais precisa e com qualidade.

Fonte: Dental Cremer.

Compartilhe: