29 de Junho de 2017

Traumatologia na Uningá: o papel do fisioterapeuta na reabilitação

  

   A atuação do fisioterapeuta está mudando conforme as demandas e a necessidade da interdisciplinaridade de outras áreas, principalmente na reabilitação de pacientes. Segundo portaria SAS/MS Nº 661, 2010, o Sistema Único de Saúde (SUS) reconhece a importância do fisioterapeuta e terapeutas ocupacionais na atuação na área. Desde prescrições de próteses, calçados ortopédicos, andador, cadeira de rodas e outros, até a adequação do paciente com estas, o fisioterapeuta participa ativamente do processo de reabilitação. 

    As dificuldades de adaptar a prótese ao corpo também fazem parte da rotina. Segundo a professora e coordenadora do curso de Especialização Traumato-Ortopédica, Arthiese Korb, é complicado o processo de aceitação da “nova imagem corporal”. Antes de se prescrever a prótese, é importante ouvir a equipe que trabalhou com o paciente, sabe processo pelo qual ele passou. Deve-se destacar também a importância de considerar profissão do paciente. “Durante o período de treinamento com prótese, o paciente gasta muita energia, ocasionando cansaço. Ao lado das dificuldades físicas, sabe-se que é penoso para o paciente aceitar a substituição de um membro por um dispositivo”, explica a coordenadora. Além da síndrome do Membro Fantasma. 

    Reabilitações com órteses são comuns na Fisioterapia, elas auxiliam um órgão que não está funcionando muito bem, como, por exemplo, marca-passo para o coração. A órtese pode ser externa ou implantada e tem por objetivo restaurar a função do órgão, diminuir a dor, minimizar incapacidades. A professora comenta que se pode treinar para a melhoria da amplitude de movimento (ADM), o que facilita o processo de restauração, além de preservar as estruturas musculoesqueléticas comprometidas. 

    O curso de pós-graduação em Traumato-Ortopédica está com as inscrições abertas, e espera os alunos para aulas intensas de teoria e prática, com professores especializados. Confira as informações no site da Uningá Eleva.